whatsapp x

WhatsApp Number

5579991916274

Message

5 de setembro de 2007

Cálculo atuarial é apresentado aos servidores do Ipesprevidência


Os servidores do Ipesprevidência conheceram nessa terça-feira (04) o resultado do cálculo atuarial do Regime Próprio de Previdência Social do Estado de Sergipe (RPPS/SE). A apresentação foi realizada pelo diretor-presidente do Ipesprevidência, Amito Brito Filho, que mostrou os números atuais do regime e as projeções a médio e longo prazo.

 

De acordo com a exposição, o cálculo atuarial mostra que o RPPS/SE passa por uma situação delicada. Mas segundo Amito, existe solução para as dificuldades apontadas. “A situação, apesar de grave, ainda pode ser gerenciada, embora a solução seja a médio e longo prazo. O importante é traçar estratégias desde já, para que o futuro de todos os segurados esteja garantido”, completou.

 

A gerente de atendimento da autarquia, Gleide Selma, ficou satisfeita com a convocação feita pela diretoria para que todos os servidores participassem da exposição. “Achei ótimo deixar a gente a par da situação, até para que tenhamos mais atenção em tudo o que fizermos, de modo a não prejudicar o regime”, disse. Para o diretor-presidente do Ipesprevidência, a conscientização de todos os servidores é essencial para o fortalecimento do RPPS/SE. “Eles precisam ter conhecimento da realidade, porque além de segurados, eles também são gestores, tendo portanto, dupla responsabilidade”, explicou.

 

Sobre o cálculo atuarial

O cálculo atuarial foi feito pela Caixa Econômica Federal, através de um contrato assinado com a autarquia em março deste ano. Esse cálculo é feito anualmente e visa avaliar as obrigações previdenciárias dos servidores públicos do Estado para definição do custeio e manutenção do equilíbrio do RPPS/SE. A sua realização é exigida pelo Ministério da Previdência Social como requisito para concessão do Certificado de Regularidade Previdenciária.