whatsapp x

WhatsApp Number

5579991916274

Message

17 de julho de 2007, 22:10

Mudanças na estrutura interna trazem melhorias para o Ipesprevidência


O projeto de mudança da estrutura interna da sede do Ipesprevidência começou a ser implementado nesta segunda-feira, 16. Novas disposições das salas estão sendo definidas, bem como novas divisórias estão sendo colocadas em todos os setores da autarquia. Além disso, estão previstas também para os próximos dias a aquisição de móveis, a colocação de cortinas e a instalação de aparelhos de ar condicionado em todo o prédio.

As mudanças foram priorizadas não apenas para oferecer maior conforto aos servidores e beneficiários, mas principalmente para atender à necessidade de centralização na sede do Ipesprevidência das atividades ainda realizadas em outros órgãos.

“Através desse processo de melhoria, daremos condições operacionais plenas, tanto para os servidores que já estão aqui, quanto para os que ainda virão, para desenvolver seus trabalhos satisfatoriamente”, disse Amito Brito Filho, diretor-presidente da autarquia.

O setor de atendimento foi o primeiro a passar pelas mudanças, onde novas arrumações na estrutura do ambiente de atendimento estão em andamento. O projeto irá contemplar ainda a centralização em um único ambiente dos três diretores que compõem a Diretoria Executiva da autarquia, o que possibilitará agilidade nas atividades por eles desenvolvidas, e a ampliação de novos espaços para os servidores que atualmente trabalham no setor financeiro e de previdência.

Para a assessora de Planejamento do Ipesprevidência, Cenira Cardoso, as mudanças agregarão também outros benefícios. “Estamos tirando as divisórias que deixam os setores fechados, isolados, e colocaremos no lugar outro lay-out, com divisórias mais baixas ou de vidro, de maneira que possibilitem a visibilidade e o contato de uns com os outros. Portanto, essas mudanças visam atender também a uma necessidade de modernização e adequação de ações que promovam maior transparência e comunicação entre os servidores e os beneficiários”, explicou.