whatsapp x

WhatsApp Number

5579991916274

Message

15 de julho de 2019, 12:55

Nova sede do Sergipeprevidência trará mais comodidade para usuários


Obras estão 70% concluídas. Previsão é que o atendimento no local inicie entre julho e agosto

Desde o final do ano passado o Palácio Serigy, localizado na praça General Valadão, vem passando por reformas para abrigar a nova sede administrativa do Sergipeprevidência. Com mais de 70% das obras concluídas, faltando apenas reparos nos pisos, finalização na pintura e atualização da parte elétrica, a expectativa é que entre julho e agosto os aposentados e pensionistas do governo já sejam atendidos no local.

“A obra está mais de 70% concluída. A parte mais demorada que é a quebra de paredes e retirada dos pisos, que já foi feita. Estamos finalizando agora a parte de cabeamento, faltando poucos detalhes. A previsão é que entre o final de julho e a primeira quinzena de agosto já possamos estar mudando para a nova sede”, explica o gerente de projetos do Sergipeprevidência, Benhur Neres.

O novo local trará diversos benefícios aos usuários do órgão, e contará com ambiente climatizado, assistência agilizada, área verde e salas acessíveis, que poderão acolher mais de 50 pessoas ao mesmo tempo. “Nós vamos ampliar a quantidade de pontos de atendimentos. Hoje nós trabalhamos com sete, após a mudança para o Serigy, serão dez pontos. As acomodações também estarão mais amplas e arejadas, oferecendo assim mais qualidade no serviço”, exemplifica o presidente do órgão, José Roberto de Lima.

Além disso, o intuito é proporcionar aos 32mil aposentados e pensionistas do órgão dois espaços para melhor idade, oferecendo gratuitamente cursos e oficinas por meio de parcerias que estão sendo firmadas com instituições como a Universidade Federal de Sergipe e Banese. “A ideia é humanizar os serviços disponibilizando lazer para os nossos segurados. Inserindo atividades como dança, pintura, artesanato, entre outras coisas que façam com que eles interajam mais e não pensem em vir ao Sergipeprevidência apenas para resolver problemas”, frisa o diretor presidente.

Redução de Despesas

Um dos fatores principais que levaram a mudança da sede foi a política de redução de despesas promovida pelo Governo do Estado. O objetivo é a diminuição de prédios alugados pela administração estadual, centralizando seus órgãos em imóveis próprios, otimizando os recursos e melhorando a qualidade dos serviços oferecidos à população. A atual sede, localizada na Praça da Bandeira, custa mensalmente aos cofres públicos um aluguel de R$ 35 mil reais. Com a mudança o governo irá economizar cerca de R$ 450 mil por ano.